Terça-feira, 3 de Junho de 2014
Dicas para poupar na beleza

Olá meninas! 

 

Todos sabemos que os tempos que correm não são facéis para ninguém a nível financeiro, mas há coisas que não podem mesmo ficar para trás principalmente para nós mulheres, mas para os homens também. 

 

 

Depilação, unhas, cabelo, maquilhagem são apenas algumas das coisas que têm que ser feitas e que nos fazem gastar algum dinheiro que por vezes faz falta no orçamento familiar. 

Depilação: Como sabem depilação é essencial, eu o-d-e-i-o pêlos, e se pudesse faria depilação definitiva, como acho demasiado caro vou fazendo a depilação mensalmente. Ora bem, os preços da depilação numa esteticista variam muito, há mais barato, há mais caro e há o meio termo. Eu prefiro fazer a minha própria depilação em casa, e além de poupar imenso dinheiro ninguém tem que ouvir-me a «gritar» já que, aqui para nós, sou uma mariquinhas nestas coisas. 
Adoptei este método à pouco tempo e tenho gostado bastante. Então, comprei um rolo enorme de bandas depilatórias não sei precisar o tamanho mas é mesmo muito grande, e vou cortando as bandas consoante preciso. Depois compro conforme necessito boiões de cera que não são muito grandes, cada um dá para uma perna mas são baratinhos, umas luvas(toda a gente tem umas em casa) e um óleo que serve para retirar os resíduos de cera que ficam no final da depilação. 
Vamos então fazer um pequeno cálculo: O rolo de bandas custou cerca de 6€, cada boião de cera custa 1,50€(utilizo três de cada vez) e o óleo que dá para umas belas vezes(penso que durará até ao fim deste ano, se usar uma vez por mês) custa 8€. Tudo isto dá um total de 18.50€. Normalmente uma depilação completa custa na zona onde vivo, entre 20€ e 25€. Mensalmente já estou a poupar dinheiro, visto que as coisas mais caras(o rolo e o óleo) duram-me para várias vezes, então só tenho que gastar praticamente por mês 4,50€ na cera. Eu sei que muitas de vocês vão achar que isto demora tempo e dá muito trabalho, mas ir à esteticista também demora, a diferença é que está outra pessoa a fazê-lo por nós, além disso, é só uma vez por mês e fazendo os cálculos para um ano inteiro já há muita diferença. 

Unhas e Cabelo: Este é um tema que muita gente já faz em casa, principalmente nos últimos anos, eu sempre fiz muito. No que toca às unhas, tenho mais de 30 vernizes, o que me permite escolher a cor que me apetecer, quando quero fazer algo diferente, como por exemplo, um degradé, recorro aos DIY(Faça vocês mesmo) no Youtube que ensinam a fazer coisas girissimas nas unhas, quanto a limar, cortar e etc é algo que me leva menos de 15 minutos e que gosto mesmo de fazer. Outra coisa que aconselho, e que eu mesma quero experimentar, são aqueles kits de unhas, do género Impress Nails, que hoje em dia se vê muito à venda. É muito fácil de utilizar e pode durar imenso tempo, alguns até podem não ser muito baratos, mas se durarem um tempo considerável nas vossas unhas porque não experimentar outra vez? É menos dispendioso do que ir à manicure todas as semanas. 

No que toca a cabelo, é o que mais gosto em mim e tenho mais cuidado. Só vou ao cabeleireiro para cortar, porque o resto, desde pintar, esticar, encaracolar etc, faço tudo sozinha. É o mesmo que os vernizes, ao longo do tempo fui comprando um aqui, outro acolá e hoje em dia tenho muitos o que me permite escolher e fazer eu mesma, no cabelo, um mês comprei uma prancha de alisar, outro um Babyliss para encaracolar, quando vejo uma promoção nas grandes superfícies, compro a laca e assim sucessivamente. A desculpa de não ter jeito para a coisa não serve, porque é tudo uma questão de prática, e mais uma vez, recorrendo ao Youtube há milhares de vídeos que ensinam penteados girissimos.

 

 

 É claro às vezes também gosto de um miminho e se estiver mais em baixo vou ao cabeleireiro para me sentir mais bonita, ou fazer as unhas na esteticista, porque é sempre mais agradável quando são os outros a fazer por nós... Mas quando quero poupar, são estas as dicas a que recorro. 

Há muitas mais coisas em que tento poupar, mas decidi não me alongar muito mais, para o post não ficar demasiado longo e aborrecido. Se gostarem deste género de posts, digam-me e eu posso escrever mais vezes. 

 

 

Beijinhos, Joana



publicado por Joana às 22:03
link do post | comentar | favorito

Domingo, 25 de Agosto de 2013
Especial Regresso às Aulas 2013 - Reaproveitar Material Escolar

Olá meninas. 

Cá estou eu para mais um "Especial Regresso às Aulas 2013". Ora bem quando chega a esta altura o frenesim para comprar o material escolar é tão grande que por vezes temos tendência a comprar coisas que poderiamos aproveitar do ano interior. 

Então lembrei-me de dar algumas dicas de coisas que podemos guardar. 

 

  • Mochila - Uma mochila não dura para sempre, mas também não dura só um ano. Se compraste a tua mochila o ano passado podes muito bem voltar a usá-la este ano. Como saber se está em condições? Saber se é confortável, se é impermeável(convém por causa do Inverno), se tem espaço suficiente para levar os livros e cadernos consoante o ano de escolaridade e claro se está em condições em termos de aspecto. 
  • Estojo - Tal como a mochila o estojo dura também algum tempo, principalmente se forem aqueles que são um género de cabedal. 
  • Réguas e Esquadro - A régua e o esquadro das disciplinas como Educação Visual e Tecnológica são outra coisa que podem guardar do ano anterior. 
  • Capa de micas - A capa de micas onde guardas as fotocópias importantes para estudar, ou apenas folhas de exercícios dadas pelos professores também podem ser aproveitadas, duram anos. 
  • Cadernos - Não sou apologista de usar cadernos de um ano para o outro, principalmente quando estão quase no fim, mas o que costumo fazer é guardá-los na secretária, para quando preciso de folhas soltas, seja para fazer de rascunho num teste ou fazer resumos da matéria. Assim escusas de gastar dinheiro durante o ano lectivo em folhas soltas ou então de arrancá-las dos cadernos novos.
  • Lápis de Cor - Se os lápis de cor foram bem selados durante o ano que passou pode ser outro item que podes aproveitar para este novo ano. 
  • Canetas/Marcadores - Nem todas as canetas e marcadores aguentam o mesmo tempo, mas as de cor que são as que usas para definições ou apenas para sublinhar coisas importantes são as que menos gastas, por isso podes muito bem usá-las de novo, e depois se quiseres comprar uma ou duas novas podes fazê-lo. Assim é escusado comprar o pack de canetas todo. 
  • Agrafador/Furador - Outros dois intens que selados, duram anos e anos.

Eu acredito que muita coisas podem ser aproveitadas, e apesar de muita gente querer tudo novo todos os anos, deve pensar na situação crítica que o nosso país atravessa, e no esforço financeiro que os nossos pais fazem para que nunca nos falte nada. O dinheiro que os teus pais poupam a comprar material que podia ser reaproveitado, já serve para coisas mais úteis. Espero que tenham gostado das dicas.

Costumam reaproveitar o vosso material? 

Beijinhos, Joana



publicado por Joana às 16:54
link do post | comentar | favorito

pesquisar
 
Recomendo

Haute Couture
Mais Feminices
Pretty Simple
Electric Vanilla
arquivos
tags

todas as tags

posts recentes

Dicas para poupar na bele...

Especial Regresso às Aula...